A Importância do Email Marketing

Importancia do Email Marketing

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Deve ficar bem claro na cabeça do empreendedor virtual que normalmente uma venda não ocorre na primeira vez que o visitante acessa o seu blog. Então hoje vamos conversar sobre como ganhar dinheiro na internet de forma honesta e comprovada.

Naquela primeira visita o leitor poderia estar sem tempo para finalizar a compra, ou poderia estar sem dinheiro ou até mesmo pode ser que precise de explicações complementares sobre o produto. Enfim, inúmeras situações que poderiam “impedir” o visitante de comprar rapidamente ou nas primeiras visitas realizadas.

E é aí que reside a importância do e-mail marketing: você pode continuar enviando correspondências eletrônicas de forma sequencial aos seus assinantes e tentando persuadi-los a comprarem os seus produtos.

Relacionamento com a sua lista de email 

Praticamente, todos que possuem um computador conectado à internet possuem um e-mail e que o acessam duas ou mais vezes durante o dia.

O e-Mail Marketing pode eficazmente complementar o trabalho do seu blog mantendo uma interatividade constante e razoável entre blog e leitor.

O que o leitor vai ler no seu blog sobre determinado assunto ou produto poderá conseguir informações detalhadas e de qualidade por meio do e-mail marketing.

O leitor criará um vínculo com o autor do blog e estará mais propenso a adquirir algum produto indicado no blog pela insistência do e-mail.

Como criar lista de assinantes segmentada

A sua lista de email é exclusivamente sua

O seu blog pode ser punido pelo Google, pode ficar fora do ar, não ter qualquer tráfego orgânico, mas você tendo a sua lista e o seu autoresponder pode continuar com esse contato regular na situação de vendas e tráfego em seu blog por meio dos e-mails disparados.

Outra situação que pode acontecer com uma lista de e-mails, você pode até mesmo ganhar unicamente com a sua lista de assinantes.

Já imaginou a importância do e-mail marketing nas situações acima detalhadas?

As redes sociais e o Google não são controlados por você e podem deixar na mão na hora em que mais você precisar deles, quer você queira ou não!

A lista de e-mail é um ativo exclusivamente seu e apenas você pode decidir o que fazer ou não com este banco de dados tão valioso.

As vendas de produtos de afiliados podem ocorrer por meio do blog, das redes sociais, de divulgação paga ou gratuita.

No entanto, os maiores especialistas da internet são unânimes em dizer que as vendas por e-mail representam uma porcentagem muito grande das vendas realizadas e não pode ser menosprezada.

Como criar lista de assinantes segmentada?

Uma lista de e-mail é essencial para manter vendas pela internet de forma regular.

Você pode até mesmo realizar vendas pela internet, porém com uma lista de e-mail fica muito mais fácil você vender e revender para a mesma pessoa.

A possibilidade de vender um outro produto relacionado com a primeira venda para aquele comprador é muito grande quando se tem um relacionamento mais constante.

Com a lista de e-mail pode-se manter contatos regulares com a sua base, seja para repassar informações valiosas de interesse comum da lista, seja para eventualmente, oferecer um novo produto que possa agradar ao segmento de sua lista de assinantes.

Suponhamos que você venda pelo YouTube divulgando o seu link de afiliado e onde o comprador é direcionado diretamente para a página de captura do produtor do infoproduto. Neste caso, ocorrendo a venda você embolsa a sua comissão, porém perde todo e qualquer contato com este comprador que estará fazendo parte do banco de dados do produtor.

Caso o seu visitante não compre o produto, então além de você não ganhar a comissão, além do produtor não capturar o e-mail você também não capturou o e-mail e mais nada pode ser feito por nenhuma das partes. Este contato foi perdido terminantemente para futuras transações.

Dedique-se a criar uma lista de assinantes agora mesmo.

Portanto, a criação de uma lista de e-mail é de extrema importância para quem pretende trabalhar na internet, pois ela cria a possibilidade de vender não apenas uma vez, mais duas, três ou várias transações para um mesmo contato da sua lista de e-mail.

A sua lista de e-mail deve ser bem segmentada e você estará sempre oferecendo novidades relacionadas àquele nicho e isto estará agradando a toda a sua lista e com potencial condição de novas vendas.

A forma mais usual e prática de se criar uma lista de e-mail é por meio de uma página de captura (também chamada de landing page ou squeeze page) e o único objetivo da página de captura como o próprio nome já especifica é capturar o e-mail do visitante do seu blog.

A página de captura deve ter algumas características diferentes das outras páginas ou posts do blog. Ela deve ter um visual agradável com belas imagens que reflita bem o que o visitante gostaria de possuir ou vivenciar e com textos convincentes, e persuasivos que faça que o visitante queira de todas as formas deixar o seu e-mail naquela caixa de formulário para conseguir aquela fórmula tão secreta.

O visitante deve entender que estará sendo ajudado deixando o seu e-mail para conseguir algo que sozinho não conseguiria.

Basicamente, podemos considerar três os elementos imprescindíveis para uma Landing Page que consiga capturar muitos e-mails:

a) Texto muito persuasivo que consiga provocar a ação do leitor. CALL to ACTION.

b) Formulário simples e bastante chamativo que não passe despercebido e que demonstre a ação requerida pelo leitor.

c) Uma isca digital, um brinde premiando o leitor por ter deixado o seu e-mail e que pode ajudar imensamente o visitante em algum problema que ele gostaria de resolver.

Portanto, são itens fáceis de se realizar na teoria, porém na prática a construção de uma landing page oferece muitas dificuldades.

O ideal seria construir uma landing page para cada produto. Segmentando produtos e listas de assinantes para saber exatamente qual o interesse de cada um dos seus leads. Parece difícil realizar e é na verdade, muito difícil, porém produz resultados satisfatórios do que a criação de uma lista genérica.

Outras formas de se conseguir criar listas de assinantes é por meio de formulários de captura espalhados por todo o blog, mais precisamente na sidebar, no topo/meio/fim dos artigos e em janelas pop ups.

Deve-se empenhar ao máximo para criar uma lista de assinantes segmentada e responsiva de acordo com o segmento do seu blog.

Mais posts

Você quer expandir seus negócios?

Podemos fazer isso juntos

Entre em contato
Open chat
1
Olá! Como Podemos te ajudar?