//Como gerar tráfego qualificado para sua franquia: escolha a fonte certa e encontre seu público

Como gerar tráfego qualificado para sua franquia: escolha a fonte certa e encontre seu público

Sabe que tenho visto que um erro comum de muitos empresários é pensar que a mesma fonte de tráfego serve para qualquer negócio. Essa é uma ideia que pode acabar com as chances de um crescimento rápido e bem estruturado para geração de leads.

 

Para não fracassar na hora de divulgar sua franquia, lembre-se de pesquisar mais sobre seu mercado. Não há dúvidas de que conteúdo relevante e de qualidade é um atrativo de tráfego. Sabendo direcioná-lo para atrair reais interessados em ingressar na área de franquias, você terá visitantes engajados e poderá cultivar um bom relacionamento com eles.

 

Se você está realmente interessado em conseguir tráfego qualificado para seu site, acompanhe as próximas dicas para seu número de visitantes nunca mais ser o mesmo.

 

Em busca de oportunidades

Para quem escreve ou edita conteúdos é essencial conhecer o Google AdWords Keywords Tool e ferramenta Semrush. Com ele você saberá o tamanho da sua audiência, termos relacionados e a competitividade deles. Tudo isso te ajuda a fazer uma projeção do tráfego que poderá ser gerado com o assunto que está pensando em abordar.

 

Outra dica é: observe a concorrência. Veja como ela atua, a linguagem, o conteúdo, pontos fortes e fracos para então planejar meios de se destacar.

 

Onde seu público está?

Onde seu público está

Você pode gastar horas escrevendo um texto que ofereça uma incrível oportunidade e não disponibilizar para o público certo. Antes de procurar onde ele está, procure saber quem ele é.

 

O Alexa é um site que oferece informações demográficas sobre quem acessa seu site, como sexo, idade, escolaridade e renda. O Google Analytics também oferece essas informações e com dados mais precisos do seu site. Quando descobrir com quem está lidando, você terá mais ideias de onde encontrá-los e o que escrever. Saber os interesses deles facilitará o direcionamento da divulgação. Talvez seja melhor investir mais no LinkedIn, um ambiente mais profissional, ou até mesmo no Facebook que abrange quase todo tipo de público. A seguir falarei sobre mais algumas fontes de tráfego.

 

Escolhendo a fonte de tráfego qualificado para sua franquia

Existem várias grandes fontes de tráfego na internet: YouTube, Twitter, Pinterest, LinkedIn, Google AdWords, Facebook Ads, Google+. Selecionei essas quatro últimas para falar um pouco mais de suas qualidades.

 

O LinkedIn é uma rede válida para franquias, mas muitas vezes esquecido. Por ser diretamente voltada para negócios, divulgar uma oportunidade para os empreendedores pode atrair perfis interessantes, gere conteúdo e disponibilize para sua rede contatos. A nova ferramenta deles o Pulse tem ajudado diversas empresas a conquistar mais clientes.

 

O Google AdWords trabalha com a compra de palavras-chave, mesmo com um posicionamento não tão bom do seu site, traz resultados rapidamente. Você estará exposto a um grande número de pessoas, isso é ótimo para redirecionamentos e para capturar usuários, utilize uma campanha de re-marketing para sempre ser lembrado, o Google Adwords está com uma nova funcionalidade que permite fazer o upload da sua lista de contatos para ações de re-marketing, isso ajudará você estar sempre presente.

 

O Facebook Ads funciona basicamente como o AdWords, o que muda são as ferramentas para anunciar, de imagens até vídeos, segmentação muito avançada, e preço ainda mais acessível que o Google, mais lembre ele somente funciona muito bem patrocinando artigos que gerem interesse para público escolhido. Traz ótimos resultados para nichos variados  com investimento reduzido.

 

O Google+ é um aliado na hora de conseguir um bom posicionamento na página de busca e gerar tráfego orgânico. O Google leva em consideração sua atividade nessa rede na hora de rankear o que é relevante na sua página. Muita atenção a essa rede social totalmente desprezada.

 

Em uma amostragem realizada com alguns de nossos clientes, aqueles que não tinha atividade nenhuma atividade no Google+ , detectamos uma dificuldade em rankear o site na busca orgânica.

 

Existem muitas opções pagas que facilitam a vida de quem começou há pouco tempo, mas vale lembrar que o tráfego orgânico costuma atrair pessoas diferenciadas, ele é muito mais eficiente na hora da conversão. Como conseguir otimizar seu tráfego orgânico? Veja a seguir algumas dicas para ficar no topo das páginas de pesquisa.

 

Siga regras básicas de SEO para rankear melhor no Google

SEO

No artigo anterior já deixei minhas dicas de SEO para franquias que querem estar em destaque no Google. Ficar logo na primeira página exige pesquisa, trabalho, estratégia e investimento, vai além de simplesmente pagar um anúncio.

 

Com a primeira dica que dei sobre a utilização do Google Keywords Tool já é possível ter um parâmetro da competitividade do tema e assim selecionar termos que otimizem seu destaque.

 

Outras ferramentas, como a Google Search Console Tool, Semrush e SE Ranking, ajudam a identificar possíveis erros na hora de apontar seus links e no rastreamento. Feito essa varredura a sua indexação estará acontecendo, ou seja, o Google estará lendo sua página para depois disponibilizar seu conteúdo aos usuários.

 

Levando essas informações em consideração, comece a trabalhar mais seu tráfego e engajar com o seu público o quanto antes gerando conteúdo relevante. Isso só aumenta as chances de uma boa oportunidade aparecer, mas ela não vai bater na sua porta se não houver um caminho que a leve até lá.

Fonte: alanterra.com.br

2018-10-31T15:51:41-03:00 Por |

About the Author:

Estrategista de Marketing Digital e Expert de Vendas On-line com 18 anos de experiência no mercado de internet e mais de 600 projetos digitais desde 1997, isso mesmo da época que não existia Wordpress, só o velho e bom notepad!
1
Olá! Como Podemos te ajudar?
Powered by