Inbound marketing para franquias: Como começar sua estratégia

Inbound marketing para franquias: Como começar sua estratégia

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Fonte: alanterra.com.br

 

O Inbound Marketing é uma metodologia de marketing que visa alcançar o cliente a partir de informações relevantes e conteúdos autênticos. Estes têm a função de aprovar que o visitante conheça o produto ou o serviço de uma empresa antes de ser impactado por ofertas de compra.

 

A finalidade é gerar leads com um tráfego intenso nos canais da franquia, sejam eles as mídias sociais ou o próprio site da empresa. O Inbound possui uma oferta que vai na contramão do Outbound Marketing. O primeiro surge em função de pesquisas do próprio usuário que, a partir de um assunto de interesse, pesquisa informações nas mídias digitais.

 

O Outbound, no entanto, visa uma divulgação mais tradicional, como em revistas, televisão e outdoors — ou seja, o usuário é impactado mesmo sem apresentar um interesse inicial.

 

Quer conhecer como introduzir e implantar estratégias de Inbound Marketing na sua franquia? Confira o nosso artigo de hoje!

O que é Inbound Marketing?

 

Entre os pilares do Inbound Marketing se destacam o SEO — uso de palavras-chave para aperfeiçoar o posicionamento nos mecanismos de buscas —, as mídias sociais e o marketing de conteúdo. Entretanto, não se deve estipular um limite para  o alcance dessa estratégia, que pode envolver ainda ferramentas como e-mail marketing, vídeos, webinars e outros.

 

A estratégia pode ser dividida em cinco etapas, conforme a lista abaixo.

 

  • Captar tráfego: consiste em produzir um alto tráfego para o site a partir de conteúdos;
  • Converter visitantes em leads: elaborar uma oferta (e-book, infográfico etc.) e receber as informações de contato em troca;
  • Converter leads em vendas: trazer o lead adiante no funil de vendas, preparando-o para a compra;
  • Fidelizar os clientes: investir em um pós-venda de alta qualidade e na criação de um relacionamento;
  • Encantar seus clientes e transformá-los em promotores: fazer com que o cliente tenha a melhor experiência de compra e passe a propagar a marca entre os conhecidos.

 

Todas essas etapas consistem em converter um simples visitante do site em um promotor da marca.

 

Você sabe como isso é possível? Oferecendo conteúdos interessantes e que se aprofundem no tema.

 

O Inbound Marketing tem atraído empresários de diferentes segmentos, entre eles, franqueadores que enxergam no método um investimento de sucesso e a oportunidade de atrair leads mais qualificados.

 

O Inbound se destaca por ter um valor 62% menor que o Outbound Marketing, enquanto oferece um ROI médio 275% maior. O método também ganhou espaço entre os profissionais de marketing, sendo que 92% deles consideram o Inbound Marketing indispensável para alcançar espaço no mercado, independentemente do segmento.

 

Como implementar a estratégia de inbound marketing?

 

Com resultados tão expressivos, pode-se imaginar que a estratégia de Inbound Marketing seja inapropriada para empresas de pequeno e médio porte, como um recurso unicamente para companhias grandes, certo? Errado!

 

A solução pode ser empregada por empresas de todos os tamanhos. As franquias, por exemplo, estão entre os segmentos que têm muito a se ajudar com a solução. Veja como introduzir a estratégia!

 

Definição das finalidades

 

Inicialmente, o aspecto mais considerável é definir um objetivo para a intensificação da presença online. A empresa pode estabelecer uma finalidade mais ousada, e de longo prazo, e cultivar objetivos mais tangíveis em curto e médio prazo.

 

Uma boa meta de longo prazo pode ser tornar-se uma autoridade no segmento em que atua. Uma forma de conseguir isso é especificar uma rotina de criação de conteúdos variados e possibilidades de divulgação. O objetivo é o que irá direcionar as estratégias adotadas pela empresa, portanto, o Inbound não pode ser iniciado sem um norte específico, claro e pertinente para a companhia.

Crie buyer personas

 

Geralmente, a buyer persona de uma empresa é confundida com o público-alvo. Entretanto, ela deve ser muito mais específica e, não necessariamente, precisa ser o público que atualmente é o principal consumidor da empresa — ela pode ser, por exemplo, o perfil ideal de cliente desejado.

 

Uma agência de marketing, por exemplo, pode ter muitos clientes pequenos atualmente, entretanto tem como finalidade ter poucos clientes grandes no futuro. A buyer persona dela deve ser esse perfil de cliente que ela deseja alcançar. Assim, as informações acerca desse cliente também devem ser mais completas, abrangendo dados demográficos, objetivos da persona, receios, interesses, etc.

Determine um plano de ação

 

Com alicerce no objetivo da empresa e no perfil da buyer persona, deve ser determinado um plano de ação. Ele deve abranger as informações básicas e também o plano de publicação dos conteúdos que serão produzidos, pois além de avaliar o cliente ideal, é fundamental saber onde encontrá-lo.

 

Alguns aspectos desse plano são:

 

  • Orçamento inicial;
  • Canais de relacionamento com o cliente (mídias sociais, e-mail marketing, site, blog etc.);
  • Frequência das publicações em cada canal;
  • Ferramentas que serão utilizadas.

 

O plano de ação deve levar em respeito o plano de negócios da franquia e inclui tudo o que será realizado e como. Portanto, ele pode ser alterado em qualquer momento, conforme  com as avaliações e com as estratégias que a franquia opte por adotar.

 

Desenvolva assuntos para cada etapa do funil de vendas.

 

A base do Inbound Marketing é o marketing de conteúdo, que é o que permitirá informar o visitante e o lead de forma que ele tenha atrativo em aprofundar os conhecimentos acerca de determinado tema.

 

É relevante salientar que cada assunto deve ser produzido levando em consideração as características da buyer persona e, também, a fase do funil de vendas em que o lead se encontra.

Topo do funil

O topo do funil é o instante em que você está falando com os visitantes do site. Eles ainda não se converteram em leads, mas já demonstraram qualquer nível de interesse pelo tema sobre o qual você disserta. Muitas pessoas são atraídas nessa fase, e uma parcela delas é convertida. Os tipos de conteúdo mais indicados nessa etapa são:

  • Posts em blog;
  • Checklists;
  • Mídias sociais.

 

Meio do funil

No meio do funil de vendas o lead já converteu e você pode usar uma estratégia de e-mail marketing para mantê-lo ativo em sua base de contatos, encaminhando conteúdos que possam ser atraentes para ele de acordo com as buscas iniciais no site. Nessa etapa, outros tipos de materiais, mais profundos, são mais interessantes:

  • E-books;
  • Whitepapers;
  • Infográficos.

 

Fundo do funil

Esse é a oportunidade decisiva para fechar uma aquisição e o conteúdo deve ser mais imediato e comercial. É necessário apresentar para o lead que a sua franquia é a que oferece melhores oportunidades para ele e convencê-lo a fechar negócio com você. Alguns tipos de conteúdos recomendados são:

  • Webinars;
  • Testes grátis;
  • Eventos;
  • Vídeos institucionais;
  • Estudos de caso.

 

Lembre-se! Os conteúdos para a abertura do funil de vendas devem ser diversos e em ampla quantidade. Quanto mais publicações no seu blog, mais “portas de entrada” você terá para o site. O conteúdo do fundo do funil, por sua vez, não precisa ser tão vasto, mas deve ser de extrema qualidade.

 

Efetive as vendas

O fundo do funil é a oportunidade para transformar leads em clientes. É o sucesso nessa etapa da proposta que permitirá desenvolver a franquia. Pense que se o lead chegou até aqui, ele está efetivamente interessado no que a empresa tem a oferecer, mas precisa de garantias que estará fazendo o melhor investimento possível.

 

Identifique quais são os principais receios do lead e ajude-o a superá-los, oferecendo mais segurança. Ao passar da equipe de marketing para a equipe de vendas é fundamental que, antes da abordagem, o vendedor conheça todas as peculiaridades da jornada de compra até este momento para que saiba reconhecer como será o melhor contato.

 

O Inbound Marketing preza, além da venda em si, por um pós-venda de excelência, que é o que permite que o cliente se torne um promotor da marca. Dessa forma, não menospreze o período pós-venda, no qual o novo franqueado irá necessitar de suporte ou mesmo de um diálogo que o deixe mais seguro.

 

Conforme vimos acima, o Inbound marketing é de extrema importância para quem deseja ter um diferencial em todos os processos do seu negócio no mundo online, não é mesmo?

 

Para você que se interessou pelo assunto e deseja saber um pouco mais sobre a ferramenta de funil de vendas descrita nesse artigo, o link citado acima irá abordar temas como Ferramenta Funil de Vendas, CRM de vendas, ferramenta de gestão de relacionamento e a otimização da sua equipe de vendas. Tudo pensado para que você tenha ainda mais conhecimento sobre como traçar estratégias e usar da melhor maneira as ferramentas disponíveis no mercado.

 

E então, ficou com alguma dificuldade acerca de como começar uma estratégia de Inbound Marketing para a sua franquia? Não precisa ter medo. Além de todas as informações que estão disponíveis no meu site, você pode entrar em contato comigo e com minha equipe, através da aba de “contato”, localizada na parte superior do site, que iremos analisar a sua solicitação e oferecer a melhor solução para você conquistar o seu objetivo.

 

Seja o referencial diante da concorrência e descubra grandes oportunidades para sua franquia se destacar e conquistar um clientela cada vez maior. Esperamos o seu contato!

 

Percebeu como Inbound Marketing pode te ajudar a conseguir novos clientes e promover ainda mais a sua FranquiaPrecisa de uma ajuda especializada preencha nossa aplicação que iremos entender e ajudar a sua empresa a conquistar mais negócios pela internet

banner agenda minPowered by Rock Convert

Mais posts

Você quer expandir seus negócios?

Podemos fazer isso juntos

Entre em contato
Open chat
1
Olá! Como Podemos te ajudar?