//Marketing de Conteúdo – O que é e como fazer?

Marketing de Conteúdo – O que é e como fazer?

O marketing de conteúdo, uma estratégia do inbound marketing, tem a finalidade de atrair visitantes e engajá-los a se relacionar com a marca, aumentando, com isso, as vendas.

 

Apesar de essa estratégia já existir bem antes do sucesso da Internet (lembra-se das receitas de sobremesa nas embalagens do Leite Moça?), a web é uma grande responsável por ajudar na propagação dos conteúdos.

 

Continue a leitura e saiba mais sobre a tática que é capaz de gerar até 3x mais leads que o marketing tradicional!

O que é marketing de conteúdo

A forma de marketing tradicional investe em propagandas persuasivas sobre os produtos a serem vendidos e as insere em meios (televisão, jornais, revistas, outdoors) com a intenção de nos convencer a comprá-los, mesmo quando não os procuramos. Já o inbound marketing tem a filosofia de oferecer motivos para que nós, compradores, cheguemos à empresa, por iniciativa própria. Em geral, não precisam citar a marca para isso.

 

Podemos dizer, assim, que o  inbound marketing age com mais paciência, permitindo maior autonomia do consumidor e visando a efetividade a longo prazo. Um dos pontos positivos de ele ter mais cautela nessa conduta é que as consequências de suas ações tendem a gerar maior consolidação da marca, além de maior aceitação. O fato de a pessoa procurar a empresa quando se sente preparada para comprar (e não se sentir obrigada a escutar as vantagens do produto, no momento em que não está interessada) é um grande responsável por esse sucesso.

 

O marketing de conteúdo, seguindo o que o inbound se propõe a fazer, pretende, por meio da propagação de conteúdos relevantes:

 

  • aumentar a visibilidade para a marca;
  • atrair e engajar pessoas;
  • manter o relacionamento com os clientes;
  • gerar tráfego para o site;
  • melhorar o posicionamento da página no Google;
  • construir autoridade;
  • aumentar as vendas.

 

Como fazer marketing de conteúdo

Elaborar conteúdos exige, todavia, um planejamento, para que você consiga atingir o seu público com o que é realmente relevante a ele.

 

Elabore a persona

Um dos primeiros passos é você fazer a análise do perfil de todos os seus clientes para montar a persona.

 

Essa persona é a representação do seu consumidor ideal e reúne a soma e a média das características do seu público-alvo. É se baseando nessa personificação que você começará a pensar em conteúdos que respondam suas dúvidas, sanem seus problemas e agreguem valor.

 

Pense no funil de vendas

O funil de vendas é baseado nas etapas em que o comprador percorre até se decidir pela compra. Ele se divide em:

 

  • topo: é a etapa de descoberta e aprendizado. O usuário ainda não tem certeza de que tem um problema. Os conteúdos são mais leves, mas não deixam de ser relevantes. Por exemplo, uma empresa que vende travesseiros pode querer atingir pessoas que buscam ter uma noite de sono com qualidade. Poderia produzir um texto sobre sintomas e consequências da insônia;
  • meio:  aqui a pessoa já se deu conta de que precisa de algo que lhe ajude a resolver um problema, mas ainda não sabe o quê. Um conteúdo legal poderia ser sobre dicas para combater a insônia, citando o produto dentre outras opções;
  • fundo: nessa fase, o usuário já decidiu qual a resolução que ele precisa. Pode estar em dúvida apenas sobre as melhores marcas. É aqui que a persuasão pode ser um pouco maior, e os benefícios dos travesseiros com os quais a empresa trabalha podem ser citados.

 

Faça as publicações ou contrate alguém

O ideal é que as publicações sejam feitas com frequência, o que manterá os usuários mais engajados. Publique diversos conteúdos para cada etapa do funil. Isso ajuda a atingir todas as pessoas que estão em fases diferentes. Se você pretende ter maior visibilidade do produto e ser encontrado no Google, precisa também publicar todos os conteúdos de forma otimizada para o Google, usando SEO.

 

redator freelancer candidatura

 

Outra opção é contratar agências de marketing de conteúdo que possam fazer textos otimizados para você. O Meu Redator tem um cadastro de redatores qualificados, que passam por um processo de seleção prévio e têm habilidades de escrever conteúdos baseados nas técnicas de inbound marketing e SEO.

 

marketing digital

 

Diferentemente de outras plataformas, o Meu Redator trabalha com equipes personalizadas a cada cliente, pois visa construir maior alinhamento ao projeto e aos objetivos que são pretendidos, agregando mais valor ao produto contratado.

 

Para saber mais detalhes sobre como isso tudo funciona, entre em contato com a plataforma e escolha a melhor forma para você investir em marketing de conteúdo para sua empresa.                                                 

 

2018-08-21T17:14:12-03:00 Por |

About the Author:

Estrategista de Marketing Digital e Expert de Vendas On-line com 18 anos de experiência no mercado de internet e mais de 600 projetos digitais desde 1997, isso mesmo da época que não existia Wordpress, só o velho e bom notepad!
1
Olá! Como Podemos te ajudar?
Powered by