Como criar estratégia de e-mail marketing de sucesso para franquia

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Fonte: alanterra.com.br

 

Olá! Tudo bem?

 

Criar seu e-mail marketing pode ser realmente desafiador. Pela sua própria experiência você deve saber como é abrir sua caixa de entrada e ver dezenas de e-mails, separando os relevantes dos desnecessários que vão direto para a lixeira.

 

Por isso, antes de sair disparando e-mails é bom planejar bem sua estratégia. É isso que eu, Alan Terra, vou pontuar para você estruturar e consolidar seu e-mail marketing de acordo com o objetivo: atrair franqueados.

 

Adoraria passar aqui a fórmula perfeita, mas ela não existe. Nada de generalizar, seu negócio é único e seu diferencial se mostra de diversas formas, inclusive no e-mail.

 

Busque entender seu cliente, o que ele procura e como ele chegou até sua marca.

busque entender seu cliente

A estratégia começa na forma de captação dos e-mails. Essa é uma parte das 7 maneiras de atrair franqueados. Os interessados na franquia tiveram contato com seu site e se interessaram, ponto pra você! Na hora de fazer o cadastro é o momento de captar informações sobre o que é relevante para esta pessoa, por isso, o preenchimento de um formulário nessa hora será muito útil para a segmentação da sua lista.

 

Já ouviu falar em Campanha de Segmentação?

 

Vou explicar a seguir como ela funciona e você poderá começar a aplicá-la hoje mesmo para garantir um bom engajamento.

 

O processo dessa campanha consiste em 4 fases:

  1. Segmentação;
  2. Engajamento
  3. Oferta
  4. Reset de atenção

 

Vamos entender e aplicar cada uma delas.

 

1 – Segmentação

Segmentação de ClientesVocê utilizou um imã digital, seja a oferta de um e-book ou vídeos exclusivos para atender uma dúvida do usuário. Ele se interessou e então fez o cadastro para receber o material.

 

A segmentação pode começar no ato do preenchimento do formulário no seu site. A partir daí você já começa a entender o que aquele visitante estava buscando. Esta pessoa está começando? Ou está prestes a tomar a decisão final?

 

Com os e-mails recebidos o assinante vai descobrindo sua marca e seus atributos, e os resultados de interação podem ser usados a seu favor. Veja o que ele tem em comum com outros assinantes e faça os grupos de acordo com a área de interesse.

 

Cada segmento é um mundo, busque compreendê-los.

 

2 – Engajamento

Nessa fase o assinante já começou a criar mais interesse pela sua marca. Com conteúdos e ofertas adaptadas e personalizadas para cada um já é possível dizer que há um vínculo. Seu assinante está ali, recebendo, abrindo e consumindo seus e-mails. Mais um ponto para você!

 

Lembre-se que o conteúdo deve intercalar informações úteis e a oferta em si. Ninguém gosta de ser lembrado só quando precisam vender. Mostre que você está sempre disposto a auxiliar.

 

Mantenha tudo alinhado para que na hora de enviar a grande oferta, ou seja, algo diretamente voltado para a abertura de sua franquia, ele esteja realmente preparado para isso.

 

3 – Oferta

Depois do esforço para alinhar a segmentação, ter um copywriting, uma frequência de envio razoável e a criação de um relacionamento harmonioso com o assinante, chega o momento esperado, a oferta.

 

A hora da oferta precisa ser especial, algo irresistível, que conforme o e-mail seja lido o assinante pense “é disso que eu preciso!”.

 

Todo o valor criado é explorado aqui, descreva os benefícios, experiências e mostre como seu negócio é vantajoso.

 

O processo te levou até a hora certa de agir, então mostre tudo de bom que tem a oferecer.

 

4 –  Reset de atenção

O ciclo foi completado, você organizou, fidelizou e ofertou a possibilidade do início do seu negócio naquele momento, mas pode não ter sido o mais oportuno para seu potencial franqueado.

 

Esse é o ponto de reelaborar seu plano de forma estratégica e assertiva.

 

Esse ciclo tem uma duração, para fechar um contrato de franquia estima-se levar de 12 a 18 meses, então tenha uma estratégia a longo prazo.

 

Acompanhe os resultados, veja o que foi mais efetivo, com o tempo você pode desenvolver a fórmula para o seu negócio, sem generalizar, apenas entendendo o momento dos seus futuros franqueados.

 

Gostou desse artigo? Comente abaixo e até a próxima!

 

 

banner agenda min

Mais posts

renda de uma assistência técnica

Qual a renda de uma assistência técnica?

Você já teve vontade de iniciar um negócio de assistência técnica de aparelhos? Sabe quais são as melhores maneiras de ganhar com os serviços oferecidos?

Você quer expandir seus negócios?

Podemos fazer isso juntos

Entre em contato
Open chat
1
Olá! Como Podemos te ajudar?